JOGOS | Once Upon a Tower

JOGOS | Once Upon a Tower

Príncipe? Pra quê? Aqui é a princesa que salva a si mesma. Primeiro, porque ela não precisa. Segundo, porque o príncipe foi morto pelo dragão que cospe fogo. Oferecido pela Pomelo Games, em Once Upon a Tower o jogador ajuda uma princesa a escapar da torre conforme ela vai caindo para chegar ao térreo. O desafio é eliminar monstros e outros obstáculos para alcançar o objetivo.

As fases são rápidas e o jogo é simples, o que o torna viciante em pouco tempo. A cada fase, ganhamos “vagalumes” que preenchem potes para desbloqueio de novas princesas. É nelas que o jogo garante a diversidade: são mais de 20 personagens de etnias diferentes. Começamos com Ada, uma princesa quase típica que ganha o martelo do príncipe morto para auxiliar na superação dos obstáculos. Além dela temos outras liberadas: Nzinga, uma princesa negra com trajes africanos; Draculina, filha do Drácula e Gloriana, rainha da Inglaterra e da Irlanda.

Não sendo o bastante, ainda é possível melhorar o desempenho e equipar a sua princesa com novas armas. Porém, só é possível realizar essa ação depois de concluir uma fase. Lembrando que esses recursos não facilitam o jogo, uma vez que só temos uma vida e demora para se acostumar com os novos truques.

Para ganhar mais vida, o jogo traz aquele sistema do uso de propagandas que já conhecemos em que é preciso assistir a um anúncio para ganhar a premiação. Apesar de seus pontos positivos, o jogo peca na demora e em alguns momentos ele pode travar, o que atrapalha a jogabilidade.

Mesmo assim, nada que não possa ser superado em novas atualizações. Once Upon a Tower é gratuito e está disponível para Android e IOS.

Nota Nerdisse:  (3 / 5)

Veja o trailer:

Comente, queremos saber sua opinião