Feira do Livro mostra a vivacidade da literatura em Divinópolis

Feira do Livro mostra a vivacidade da literatura em Divinópolis

Quebrem seus cofrinhos, mandem mensagem para os amigos e preparem-se: a 5ª Edição da FLID está chegando em Divinópolis. A Festa Literária acontecerá dos dias 23 a 26 de agosto no Teatro Municipal Usina Gravatá, reunindo autores, rodas de conversas, oficinas, apresentações de teatro e diversão para o público.

O evento, que já é tradição na cidade e se assemelha à Bienal, visa incentivar a cultura na medida em que busca fortalecer a literatura regional, como conta Joubert Amaral, um dos organizadores do acontecimento em entrevista ao Portal G1. A iniciativa do projeto partiu de um desejo de realizar novamente uma festa literária na cidade, como aquela acontecida em 1980 que trouxe grandes nomes da literatura para a Praça do Santuário, como Ziraldo e Ronaldo Simões Coelho.

A Flid, Feira do Livro de Divinópolis, nasceu em 2014 a partir de uma associação de livrarias, autores e apoiadores da cultura. Daniel Bicalho, dono da Boutique do Livro e um dos organizadores, conta que um ano após, em 2015, graças a ela, Divinópolis entrou para o circuito nacional de feira e eventos literários do Ministério da Cultura. O empresário ainda diz que eventos como esse são importantes tanto para o incentivo a literatura – já que traz mais espaço para a população se envolver e participar do universo literário – como também para auxiliar as livrarias na divulgação de seus livros.

Com o tema “LER, SENTIR E ACOLHER”, a Feira Literária traz aspectos importantes para a construção social dos participantes: autores para contarem suas experiências, artistas para compartilhar suas subjetividades e o próprio povo, para construir suas vivências a partir disso tudo. “Pretendemos trazer para Divinópolis e região com a FLID, a oportunidade de praticar o pensamento livre, a sensibilização pela arte literária e a importância de tirar um tempo para ler, ouvir, refletir e formar um pensamento crítico dentro de cada um de nós. Mas acima de tudo, mostrar que a literatura está integrada à nossa vida e dela não deveria se separar”, explica Daniel.

Alice Buenos e Denise Arantes são algumas das autoras convidadas, participando de bate-papos com o público e, mais especificamente, no caso da última, um workshop sobre a importância das histórias em nossas vidas.

Os ingressos podem ser adquiridos antecipadamente na Boutique do Livro por meio de doações de livros usados, que serão doados ao final do evento para a Biblioteca Municipal. A programação completa está disponível na página da FLID no Facebook e no nosso Instagram.

Comente, queremos saber sua opinião